Instituições acompanhadas

A Candeia dedica-se, durante todo o ano lectivo, ao acompanhamento e formação de crianças e jovens que vivem em instituições.

As Florinhas

Uma vez por semana à noite, um grupo de animadores visita as crianças da Associação Protectora das Florinhas da Rua com o objectivo de quebrar a rotina de uma semana escolar. Levamos-lhes semanalmente um pouco da luz da Candeia e preparamos, de forma lúdica, diversos temas.em instituições.

Domingadas

As Domingadas dirigem-se às crianças das diversas Casas da Associação Crescer Ser, do Novo Futuro, do Bairro das Murtas, do Centro de Promoção Juvenil, do CAT de Tercena, da Instituição protectora das Florinhas de Rua, do Lar António Luís de Oliveira e da Casa dos Rapazes. Uma vez por mês vivemos uma tarde de domingo diferente, normalmente ao ar livre, dando-lhes a conhecer novos lugares e experiências.


Fins de Semana

Nos fins-de-semana, levamos todos os participantes, divididos por idades, de mochila às costas e saco cama para fora de Lisboa. São já quatro fins-de-semana por ano em que aproveitamos para estreitar laços e viver um mini Campos de Férias.

Tercena

Uma vez de quinze em quinze dias, à noite, um grupo de animadores visita as crianças do Centro de Acolhimento Temporário de Tercena com o objectivo de quebrar a rotina da semana escolar. Levamos-lhes quinzenalmente um pouco da luz da Candeia e preparamos, de forma lúdica, diversos temas.

Clube da Lua Cheia

É um espaço especial para todos os labaredas interessados em participar ao longo do ano nas actividades da CANDEIA. Concretiza-se em reuniões de 15 em 15 dias em que pretendemos abordar assuntos diferentes daqueles a que os participantes estão habituados. Recorremos a diferentes técnicas de comunicação sempre com o intuito de incutir nos participantes uma atitude mais pró-activa perante a vida.

Actividades destinadas a Animadores

O Fim de Semana de Animadores, logo no inicio do ano tem o objectivo de partilhar as experiências vividas nos campos de férias; o CIFA, um fim de semana com um carácter obrigatório que visa capacitar os animadores para o melhor exercício das suas funções em campo e permitir aprendizagem de estratégias educativas e pedagógicas adequadas às crianças e jovens que a Candeia anima e as Tertúlias, momentos de partilha e reflexão com os animadores da Candeia.